11.10.07

Dança das idéias

As idéias estavam se acertando, estavam girando em uma ciranda linda dentro da minha cabeça. Quatro passos para esquerda (bum, bum, bum, bum), quatro para a direita (ta, ta, ta, ta). Dois para esquerda (bum, bum), dois para a direita (ta, ta). Um direita (bum), um esquerda (ta). Mãos dadas. As idéias estavam indo muito bem. Circulando. Girando. Cantando. Saíam até algumas risadas boas. Que ciranda! Até que... pumba! Maria errou o passo. Ficou envergonhada. Não quis mais rodar. Medo de errar de novo. Soltou as mãos e desmanchou a roda.

Nenhum comentário: