10.10.07

Os avacalhados

Você ri dos outros. Você acha engraçado quando eles erram o passo. Você encontra graça na desgraça do povo. Você não vale nada. Quem vale são os outros. Escarnecidos. Achincalhados. Avacalhados. Eles sim, valem todos os meus centavos. Eles dançam sem olhar para os lados. Eles riem sem precisar de um otário. Eles se divertem um bocado. Eles sim. Eles não estão preocupados com a sua pose, com o seu colóquio, e com seu passo compassado. Seu ritmo é chato. Seu sapato é caro. E eles andam descalços. Você ri dos outros. Você que não vê. Você ri dos outros sem perceber que a pilhéria do mundo é você.

Nenhum comentário: