27.2.08

Revelação

Todo amor morava dentro dela. Sempre.
Todo amor morava dentro dela. Simplesmente.

Em uma fração de segundo, ela abraçou o mundo.
E seu coração alcançou a liberdade.

Liberdade dos que não precisam de nada.
E, felizes da vida, amam.

Solitariamente.

2 comentários:

Mariah só Mariah disse...

bom é esse amor autosuficiente...que está dentro de nós...faz o coração alcançar a liberdade. e vivemos...soli"d"ariamente.
mariah

Renata disse...

e precisa de mais alguma coisa nessa vida?
precisa não...