16.4.08

aMar

se eu te abraçar
vamos os dois
afogar

meu amor
não é morte

e cada corte
o sal curou

eu sou:
duas mãos estendidas

aguardando você
emergir para a vida

6 comentários:

Mariah só Mariah disse...

e vivê-la apertado entre minhas mãos.
mariah

Ana Cláudia Zumpano disse...

é isso... o amor não pode nunca sufocar... afogar, arriscar-se tanto em alto mar...
;* adorei!

Fabiola disse...

lindo aqi que lindo

QUe o amor salte para os teus braços

Fabiola disse...

VC È LINDA MESMO

Mariah só Mariah disse...

sobre seu comentário no post "O JOVEM DO CENTRO"...tenho certeza que suas versões para a adequação do título ao post foram muito diferentes da minha, porém para matar sua curiosidade aqui vai a minha:
o sonho, deliciosamente inapropriado, tem um protagonista um cliente meu. rapaz deliciosamente cobiçado (amor platônico, já que nossa relação é profissional) é muito conhecido e como você já deve ter percebido, evito aqui os nomes...até o meu próprio. porém precisava colocar uma referência para que amanhã ou depois, eu mesma não esqueça de tal delicioso devaneio.
agora mata a minha curiosidade e conta lá suas versões vai?
tô esperando lá no Mariah.
Mariah

MARIUS QUIRÓZ disse...

"Meu amor não é morte".

Adorei!

Bjo