16.4.09

a insustentável leveza do ser

inda falta um bocado de coragem
para eu rasgar o coração
e mostrar a minha alma

inda falta um bocado de passos
para eu viver cá de fora
o que guardo aqui dentro

inda falta um bocado de querer
para eu poder
enfrentar-me

9 comentários:

Monique Frebell disse...

Inda falta muitos momentos a serem vividos, mágicos e inesquecíveis. É só querer e se lançar na imensidão de alternativas. Escolha a sua e siga!

Bjos!

Gabriela Guenther disse...

Lindo (de ver e de ler)! Mais uma surpreendente descoberta de pessoas especiais, desse lugar especial... Também ganhou uma leitora. Bjs

* Bela* disse...

Ainda faltam tantas coisas pra nós sermos completas e inteiramente felizes.
Mas nada adiantaria se nós não tentássemos superar um dia após o outro e encarmos a realidade da luta de feliz!

Em tempos de guerra, NUNCA pare de lutar!
Não baixe a guarda,nunca pare de guerrear!

Bjinhus =)
[Deixe sua msg no meu blog!]

Fabiola disse...

nossa tenho esta mesma sensação!

Luciana Brito disse...

Começando pelo título... ótima escolha, remete ao livro de mesmo nome, do Milan Kundera e que tanto gosto.

Longa estrada em que vamos aos poucos nos mostrando em cada gesto e palavra... Mostrar-se é enfrentar-se.


Gostei dos teus suspiros...

Beijo pra tu!

Karen disse...

é incrível como você consegue colocar em palavras o que eu sinto e não sei explicar.

saudades daqui.
bjos

Mary disse...

lindos suspiros... ;)

beijoss

Grazielle disse...

Falta um bocado de tudo isso em todos nós. Mas bem que eu me sinto mais entendida de mim quando leio seus textos. Adoooro. Saudade de vir aqui

cintia disse...

"Are Baba"!!) Sá,

mal posso esperar !!!

bjs